Métodos Aplicados

  Vídeos   Facebook da Trovisca

COMO TRATAR A RUBÉOLA NATURALMENTE?

10-10-2018

Os sintomas da rubéola são similares aos de um resfriado comum, mas as suas consequências podem ser muito mais prejudiciais, por isso devemos saber identificá-la a tempo.


https://i.imgur.com/8kX4CGC.png

 

 

Também conhecida como sarampo alemão, a rubéola é um vírus contagioso transmitido pelas vias respiratórias que ataca o sistema de gânglios linfáticos do pescoço.


A maior epidemia de rubéola registada na história aconteceu nos anos de 1964 e 1965, causando cerca de dez mil casos de abortos espontâneos e de bebês que nasceram mortos. A rubéola pode ser mortal para o feto se a mãe a contrair durante a gravidez.


O vírus brota 5 ou 6 dias depois do contágio, causando erupções na pele acompanhadas de febre e dores articulares.

 

  • A rubéola tende a atacar os glóbulos brancos e, desta forma, afeta o sistema respiratório.

 

  • O contágio acontece por meio de espirro ou tosse. Em outros casos, pelo contato com superfícies que contenham o vírus, como os lenços.

 

  • Depois do contágio a pessoa se tornará permanentemente imune ao vírus.


Nas crianças a rubéola pode provocar doenças infecciosas como a otite. Em alguns casos a rubéola ataca o sistema nervoso, causando encefalite.

 


    Sintomas da Rubéola


Os sintomas mais comuns da rubéola incluem:

 

  •  Falta de apetite
  • Surgimento de erupções de cor rosa na pele
  • Inflamação das glândulas
  • Olhos inchados
  • Dor articular
  • Febre


Apesar de estes sintomas serem parecidos com os de um resfriado comum, não devem ser confundidos. É recomendado consultar o seu profissional de saúde para estar mais seguro no momento de saber se é um caso de rubéola ou não.

 

 

 


    Como Tratar a Rubéola Naturalmente


A rubéola não tem um tratamento específico. Por este motivo, a medicina convencional utiliza medicamentos para tratar a febre e os demais sintomas que se apresentam. Hoje indicaremos alguns remédios naturais para tratar a rubéola:

 

 

https://www.teapot.pt/image/cache/data/INFUSOES/flores-camomila-700x606.png
1. Camomila


A camomila tem propriedades analgésicas que ajudam a reduzir os problemas causados pelo contágio.


    Ingredientes

  • 3 chávenas de camomila (90 g)
  • Água (quantidade necessária)


    O que fazer?

  • Encha a banheira com água morna e adicione a camomila.
  • Entre na banheira com esta mistura e tome um banho de cerca de 20 minutos, acompanhado por leves massagens.


2. Aloe Vera e Tomilho


    Ingredientes

  • 1 folha de Aloe Vera
  • 2 chávenas de folhas de tomilho (80 g)
  • 2 chávenas de água (500 ml)


    O que fazer?

  • Tire o gel da folha de Aloe Vera e coloque-o num recipiente junto com a água.
  • Adicione as folhas de tomilho e coloque a ferver durante 10 minutos.
  • Cubra o recipiente e deixe que repouse por 10 a 15 minutos.


Você deve tomar esta infusão 2 a 3 vezes por dia para obter uma melhoria.

 

 

http://www.mysteviasweet.com.au/SteviaSweet/media/system/img/seo-img.png
3. Chá de Stevia


    Ingredientes

  • 1 colher de sopa de folhas de stevia branca (15 g)
  • 1 chávena de água (250 ml)


    O que fazer?

  • Num recipiente, coloque a água para ferver e, quando alcançar o ponto de ebulição, adicione as folhas de stevia branca.
  • Deixe repousar por 10 minutos e sirva.


Tome este chá 2 vezes por dia enquanto estiver a sentir os problemas.

 


4. Infusão de Sabugueiro


    Ingredientes

  • 3 colheres de sabugueiro (45 g)
  • 4 chávenas de água (1 litro)


    O que fazer?

  • Coloque a água a ferver junto com o sabugueiro e deixe em infusão durante 10 minutos.
  • Quando estiver pronto, desligue o fogo e cubra o recipiente, deixe repousar por 10 minutos.


Vá bebendo esta infusão aos poucos durante o dia.

 

 

http://oki.pp.ua/wp-content/uploads/2015/01/1007.jpg
5. Infusão de Framboesa


    Ingredientes

  • 3 colheres de sopa de folhas de framboesa (45 g)
  • 2 chávenas de água (500 ml)


    O que fazer?

  • Coloque a água a ferver e, quando entrar em ebulição, adicione as folhas de framboesa.
  • Cubra o recipiente e deixe repousar por 10 minutos.


Beba a infusão 2 vezes ao dia.

 


É recomendável que o paciente beba bastantes líquidos, seja água ou sumos cítricos naturais, para eliminar todas as toxinas que evitam a melhoria rápida. Também é conveniente consumir bebidas com altos componentes energéticos, como o café ou o chocolate.


Inclua mais vegetais com alto teor de ferro na sua dieta, tais como a couve e o espinafre, e evite ingerir alimentos ricos em gordura que possam causar irritação.


fonte: Adaptado de: "Cuide da Saúde"

voltar
NEWSLETTER  l  POLÍTICA DE PRIVACIDADE Copyright @ 2013 INOVAnet,lda. Todos os direitos reservados.